Atletas Bodytech vencem prova de triatlo em Alagoas

0

Fernanda Carvalho e Santiago Ascenço mostram habilidade e resistência e são campeões em distâncias diferentes em Maceió. Resistência, velocidade, habilidade, estratégia e esforço. Aliando tudo isso, dois atletas da Bodytech Goiânia conseguiram resultados expressivos na Triathlon Global Challenge Family, prova com várias distâncias e que foi realizada pela primeira vez em Maceió, Alagoas.

Fernanda Carvalho

Fernanda Carvalho

Aos 33 anos, a professora de Educação Física Fernanda Carvalho venceu a prova na categoria entre 30 e 34 anos e com distâncias de 750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida. Ela fez o tempo de 1h27min55. Santiago Ascenço, de 34 anos, é o triatleta goiano de maior expressão e venceu a categoria elite numa prova desgastante, que inclui 1,9km de natação, 90km de pedal e 21km de corrida. Fernanda reconhece a dificuldade que teve na natação e no pedal, mas reforça o peso que teve a corrida para o resultado. “Nos três esportes, é o que tenho mais facilidade. Isso ajudou porque, a cada quilômetro, conseguia fazer um pouco mais rápido”, explica a triatleta, que, na Bodytech Goiânia, dá aulas de corrida indoor e atua como personal trainer em musculação e treinamento funcional. “Fiquei muito feliz com o resultado, principalmente por ter feito uma prova redonda, dentro das expectativas”, conta Fernanda. O próximo desafio é apenas no solo. “Vou correr minha 1ª meia maratona (21km), em outubro, em São Paulo. É uma corrida só para mulheres, me parece bem bacana e estou na expectativa”, afirma ela, que planeja voltar a disputar o Challenge, em Florianópolis, em novembro.

Santiago Ascenço

Santiago Ascenço

Santiago concluiu a disputa em Maceió com o tempo de 3h51min50s. A prova foi de recuperação, já que ele saiu da água 5 minutos atrás de seus concorrentes. Teve de pedalar e correr para tirar essa diferença e cruzar a linha de chegada em 1º lugar. “Iniciar o segundo semestre com essa vitória foi muito bom. Como saí da água com uma diferença considerável do líder, tive que trabalhar bem o pedal e calcular para fazer uma corrida inteligente”, conta o triatleta. O Challenge já havia sido realizado em Florianópolis, em novembro do ano passado. Na ocasião, Santiago ficou em 2º lugar, apenas 16 segundos atrás do vencedor. Neste ano, voltará à ilha para buscar o título. Antes disso, fará duas provas do Ironman 70.3, no Rio e em Miami. Na busca por bons resultados, títulos e treinos cada vez mais eficazes, Santiago aprova o apoio da Bodytech. “Tenho as portas sempre abertas na Bodytech, uso a estrutura desde 2001. A marca me trouxe a grande vantagem de poder treinar em todas as localidades e, como viajo muito, isso é excelente.”

Compartilhe

Deixe sua interação